Unhas Frágeis

A fragilidade das unhas se caracteriza pela redução da espessura da lâmina ungueal que tende a se dividir, escamar e quebrar.

As mulheres são as principais vítimas de unhas fracas, quebradiças e lascadas porque estão mais expostas aos agentes “agressores”, tais como excesso de contato com água, produtos de limpeza, acetona e esmaltes. Além disso, doenças como o hipotiroidismo, anemias, dieta inadequada, carência de vitaminas como a biotina, regimes de emagrecimento e reserva de ferro baixa no sangue também podem contribuir para o problema. Colocar muita força na hora de digitar também é uma causa muito frequente.

O diagnóstico é clínico a partir do histórico do paciente e exame minucioso das unhas.

Podem ser indicados polivitamínicos via oral, bases fortalecedoras contendo silício, vitaminas e, eventualmente, formaldeído (não pode ser usado em pessoas alérgicas a esse ativo, algo relativamente frequente). Além disso, é fundamental que sejam investigadas as causas, para que sejam corrigidas e tratadas.